A lição que nunca aprendemos

Home  >>  categoria  >>  A lição que nunca aprendemos

A lição que nunca aprendemos

2
abr,2011

7
“Como faço pra tirar essa cara de boba alegre que fico depois que a gente se abraça?”

A gente aprende a falar nas entrelinhas quando não pode pegar a caneta e escrever nas linhas. Aprende calar quando quer gritar, porque descobre sobre conveniência. Aprende sorrir pra quem não nos tem apreço, porque nos ensinaram sobre política de boa vizinhança. Aprende dar abraço quando queriamos dar beijos, porque nos contaram sobre ser comedido. Aprende a sorrir com os olhos quando queríamos abraçar com a alma. Aprende construir muros quando a paixão atravessa o peito e quer sair pela porta. Aprende um monte de coisas. Só não aprende como deixar a porta das borboletas do estômago fechada quando alguém nos pega pelos braços e nos leva ao céu antes mesmo de tocar nossos lábios.
A gente doma quase tudo, quase todos, menos esse traiçoeiro músculo chamado coração.

Camila Lourenço

Lilian disse:

Não vá querer dizer o que fazer a um coração livre pra escolher.
Lindo!
Beijo

olhar disse:

que bom que o coração vence!que bom!!!

beijocas!

Bia

a parte de sorrir com os olhos é a pura verdade!

beijos e ótimo domingo

Eu adorei o seu texto, pois falou a verdade. Parabéns. O coração é um bichinho que tem não nos obedece, né? Se não cuidar ele chega a mandar na nossa vida (se não manda na maioria das vezes). Beijinhos.

aprendemos a buscar a tentativa de aprender.
beijos

Dona Cor disse:

(In)Felizmente não podemos mandar no coração 😉

Junior Rios disse:

Vi nas suas palavras a realidade escancarada simplesmente… E é assim mesmo a vida!

Bjo e ótimo fds!

wwwsinparangon.blogspot.com