Apaixone-se!

Home  >>  categoria  >>  Apaixone-se!

Apaixone-se!

9
fev,2011

5

“Fiz de mim o que não soube e o que poderia fazer de mim não o fiz. O dominó que vesti era errado. Conheceram-me logo por quem não era e não desmenti, e perdi-me. Quando quis tirar a máscara, estava pegada à cara. Quando a tirei e me vi ao espelho, já tinha envelhecido.” (“Tabacaria”. Álvaro de Castro-Fernando Pessoa)

Escrevi hoje sobre “paixão” para o outro blog do qual me tornei colunista a partir desta semana, porém, achei o tema tão pertinente que resolvi adaptá-lo e trazê-lo para o meu/nosso espacinho também, só que em outro contexto.
Divagando no texto tabacaria que cito acima, ouso crer: acordei!
Acordei para a vida e a amplitude que isso implica, e acordei a tempo de concluir: A vida realmente é feita para ser vivida com paixão!
Por isso, hoje eu te convido para algo diferente: Apaixone-se!
Quer seja pelo seu trabalho, pelo seu filho, pelo seu amor… não há regras pelo quê, o que importa é que você faça o que tem que ser feito, sinta o que têm que ser sentido com paixão. Que você viva com paixão.
Que os efeitos colaterais que a paixão deixa,como ver mais cor na vida e achar graça de tudo e mais algumas coisas tome conta dos seus dias.
Se você vestiu o dominó errado, se há alguma máscara ocultando o que você realmente é, está na hora de tirar. Está na hora de se mostrar.
É tempo de viver o que você realmente é.
É tempo de colocar uma pitada de paixão nessa vida e descobrir por que algumas pessoas acham o arcoíris tão mágico.

Camila Lourenço
(Caso queiram ler minha postagem no Blog de MKT para o qual escrevo, cliquem aqui: http://bit.ly/hLf6m4 ) Beijo!

Lello
É sempre uma aula a parte os seus comentários!
Adoro!

Um beijo grande!
Obrigada!

Oi, Camila, bom dia!!
Curiosamente, a paixão (do grego pathe, pelo latim, passio – sentir, suportar algo, sofrer) passou muito tempo, uns 18 séculos, significando mais sofrer que ser feliz. Do Renascimento para cá, ganhou mais ênfase no sentido positivo, e hoje é esse que prevalece. Eu amei a orientação que você deu ao texto, vendo a importância de ser, estar e viver apaixonado pela vida, de onde, necessariamente, poderemos nos apaixonar por cada pessoa ou coisa em particular. A vida é maravilhosa se a enxergamos dessa forma. Aliás, seus textos trazem bastante sentimento, bastante paixão pelo que faz. E muito, muito talento!!!
Um beijo carinhoso
Lello

Tudo bem, isto é bom…
beijos

Sandrio
Meu querido leitor que sabe ler alma…
Estava com saudade dos seus comentários. Você já virou móvel fixo deste blog, esteja ciente!
(Tá,eu sei que você comentou no último, mas eu estava com saudade, o que posso fazer? Eu me apego aos meus leitores, ‘uai’!! Rs)

Um beijo querido!!!!

Camila, tens razão e possuir esta paixão pela vida é ajuda para não cairmos na rotina do pensamento.
beijos