Meu paradoxo

Home  >>  categoria  >>  Meu paradoxo

Meu paradoxo

10
ago,2011

1



Eu não quero mais essas mãos em minha pele tirando meu sono e me causando vertigens. Não quero também esses lábios esmagando os meus me fazendo querer morrer de asfixia só para nunca mais desgrudá-los dos seus.
Não quero você me fitando com esses olhos lindos, me fazendo acreditar que qualquer coisa, é qualquer coisa.
E esse sorriso lindo, por favor, tire-o daqui, da minha frente, agora.
Não quero esse desatino fazendo explosão de cor em meu estômago.
Não quero essa pele encostando na minha, me fazendo ter fogo correndo nas veias.
Por favor, me atenda enquanto estou educada, me atenda enquanto ainda me aguentei sem me enroscar nesse pescoço odiosamente convidativo e vaza daqui. Saia na velocidade do som e volte na velocidade da luz, e por favor, quando voltar faça com que a distância entre nós seja menor que a fração do segundo e cale a minha boca com seu gosto antes que eu volte a pensar.
Eu não quero nada. Eu quero tudo.


“Linkin Park – Rolling In The Deep (Adele Cover – Live)”
Camila Lourenço

placco araujo disse:

Adorei, menina… cada vez melhor…
sempre intensa!!!

bjs