O ausente presente…

Home  >>  sons-do-coracao  >>  O ausente presente…

O ausente presente…

7
jun,2010

0


Nunca me permiti de fato chorar pela perda do meu pai…Nunca!Nem quando ele era ausente na presença,nem quando ele se foi de verdade,(a não ser agora).
Sempre quis não pensar na falta que fazia a sua ligação no dia do meu aniversario,ou seu abraço quando eu voltava da escola,ou a valsa não dançada quando fiz 15 anos,ou até mesmo os sermões que ele diria aos meus namorados…
Mania de querer ser forte…medo de enfrentar o que me machucava,camuflado na falsa coragem de viver a vida sem ele.
Mas não dá pra fugir sempre na vida,e hoje,um livro me fez ficar de cara com minhas dores…
A mão que não vai me conduzir ao altar,o colo que meus filhos não terão,as ligações que não farei,as visitas que não terei,a voz que não ouvirei,as músicas que não mais cantaremos juntos…o espaço que quase sempre esteve vazio,agora pra sempre desocupado.
Um trecho de uma música:”Os olhos mentem dia e noite a dor da gente…enquanto eu respirar,vou me lembrar de você”…pois é,ele é certo.
Por que escrever sobre algo tão meu,tão particular? Porque eu queria duas coisas com esse texto. Uma é que ele ouvissse,onde quer que ele estiver,que ele sempre fez e sempre fará muita falta,mas que agora,é muito dificil saber que ele não está mais a uma ligação de distância. E o meu outro objetivo com esse texto,é na realidade um pedido a todos aqueles que assim como eu, não tiveram o pai presente como gostariam:Faça sua parte. Mesmo que o retorno não seja como você queria ou sonhava, um dia,você vai descobrir que esses momentos que vocês passam juntos,quando você faz sua parte,faz toda a diferença.
Ter razão não traz felicidade…ceder,e ter um coração leve,sim!
Um beijo àquele que à seu jeito e à seu modo,via em mim a sua pequena princesinha cantora adorada..

Querido ausente presente da minha vida:Eu te amo…pra sempre!

Saudades…

Camila Lourenço