Quando você me mostra quantas posso ser

Home  >>  categoria  >>  Quando você me mostra quantas posso ser

Quando você me mostra quantas posso ser

30
mar,2011

0
“É o lugar que achei: entre o céu e o inferno” |Violins|

Se fosse em qualquer outro momento da vida eu já teria feito uma vitamina de paixão disso tudo – sem bater no liquidificador. E você sentiria isso – e muito mais – a cada toque e entrega.
Se fosse em qualquer hora do dia de qualquer dia dessa vida onde o certo é sempre o que já passou, eu ficaria no seu colo. Seria sua calmaria e também sua tempestade. Seria sua dama e sua amante ardente.
Mas, não é qualquer outro momento da vida, nem qualquer outro dia. É agora. E no agora, você tem a parte de mim que mais me intriga: a que eu desconheço. E por isso mesmo carrego aqui no peito, costas, nuca, cintura, boca e pele a sua marca tatuada, me lembrando que não há doçura tão grande que o fogo não possa se fazer rei – nem vice-versa.

Camila Lourenço