Relativo…

Home  >>  categoria  >>  Relativo…

Relativo…

11
ago,2010

3


Dizem que há males que vem pra bem…Mas,pra começo de conversa,definir as coisas em boas ou ruins é muito limitador.
As vezes um bem,se torna mal e vice e versa. O que importa na realidade,talvez até ainda mais do que o próprio acontecimento,é a forma como você o encara. Mais decisor do que o que fazem com você, é o que você faz com o que fizeram com você!
Nossa história está povoada de homens e mulheres que só conseguiram grandes feitos após grandes decepções.
Nem todo mal na realidade é mal,se assim você o quiser….
Se serve de consolo,este blog foi feito por alguém que um dia um dia precisava somente de um lugar para desabafar e a partir dele, descobriu o que realmente queria profissionalmente,e o cantinho do choro,se tornou o lugar de aprimoração e treinamento.
De uma forma ou de outra, todas as coisas que lhe acontecem contribuem para o seu próprio bem, desde que você não fique simplesmente sentado, chorando.
O poder de mudar o rumo de nossas vidas sempre esteve em nossas mãos. O problema é que as vezes demoramos demais para nos apropriar disto!
Quer sua história bonita?Faça-a você mesmo!
No final,tudo é relativo,porque sempre dependerá da maneira como encararemos a vida e suas nuances!

Camila Lourenço

Netto,querido,fofo,amigo…como me sinto feliz em saber de suas visitas ao blog,e fico mais ainda feliz ao ver seus pensamentos e conclusões em seus comentários!Como vc sabe, sua visita é sempre muito bem vinda e me motiva a postar cada vez mais!
Douglas:
Que bom que gostou do blog/texto!Sua visita será sempre power-mega-bem vinda!
Bjokas estraladas para os dois!

Anonymous disse:

Hello Camila ? Adorei o texto, ainda não conhecia seu blog, é muito bacana. Voltarei sempre agora. @douglaswribeiro

José Netto disse:

Camilinha querida, cada dia você melhorando mais, apesar de não dar muitos “pitacos”, sempre acompanho os seus novos posts e aprecio muito os seus textos… Ah e achei muito legal essa frase “O poder de mudar o rumo de nossas vidas sempre esteve em nossas mãos. O problema é que as vezes demoramos demais para nos apropriar disto!”, essa é a mais pura verdade, e por mais que as vezes lamentamos os rumos que damos às nossas vidas, no fim “Tudo é relativo”…
Bjos… muitas saudades!!!